PREFEITURA DE SERTÂNIA TRAZ UMA LEGIÃO DE "ESTRANGEIROS" E DEIXA JOVENS ATLETAS SERTANIENSES DE FORA DA SELEÇÃO, DENUNCIA LEITOR
20/08/2017 - 7h17 em Novidades

Recebemos em nossa redação uma denúncia por parte de um leitor do Tribuna do Moxotó e amante do futebol sertaniense, segundo ele a seleção de Sertânia não tem nada de Seleção de Sertânia. Ele denuncia que deixaram os jovens promissores do nosso futebol para dar vez a jogadores da cidade vizinha de Monteiro, Zabelê e até do Rio Grande do Norte.

Claro que já sabíamos que isso estava ocorrendo, esses jogadores estão sendo trazidos está sendo custeado pelo dinheiro do povo de Sertânia, enquanto os atletas sertanienses foram afastados. Até agora a suposta seleção com todo esse “reforço” de jogadores de fora, faz uma campanha medíocre, empatou em casa no primeiro jogo e perdeu outra fora de casa. Vamos a carta do nosso leitor, que por motivos óbvios pediu para não ser identificado:

"Caro Blogueiro Esequias:

É triste ver a injustiça reinar, junto com a falta de responsabilidade dos gestores. Gestores estes que de forma clara, estão ceifando o direito e o sonho, daqueles sertanienses que direto e indiretamente os colocaram no poder.

Sertânia hoje tem uma seleção bem diversificada, oito jogadores de Monteiro, um de Zabelê e dois de Sertânia, só que um desses de Sertânia acaba de perder vaga, para um reforço, dos três atletas trazidos pelo vereador licenciado Zuza. Diga-se de passagem, que o "treinador" é da cidade de Monteiro-PB, e que já mandou a equipe pronta, pra minimizar o desgaste de treinar de fato uma seleção da cidade.

Há mais ou menos dois meses, cerca de trinta jovens com idade entre 15 e 20 anos, começavam os treinamentos no sol escaldante de Sertânia, no campo "poeirão" só que para surpresa e decepção da maioria desses jovens, quase todos foram descartados, para dar vagas aos outros jovens trazidos das cidades vizinhas, jovens talentosos, mas que não trazem diferenças na arte do futebol, dos jovens da cidade.

Os amantes do futebol da cidade hoje não têm o privilegio e o gosto de assistir a seleção local jogar; pais não vão ao estádio,  pois também estão decepcionados, por não verem seus filhos no grupo da seleção.

Dentro da possibilidade remota de esta seleção trazer o titulo de campeão. Onde vai ficar o troféu? Na foto de campeão, seria correto colocar seleção de Sertânia? Quem conhece um pouco da juventude de nossa cidade, sabe que temos pelo menos três equipes com o mesmo potencial ou melhor do esta que temos hoje.

Governar com o povo e para o povo. Para o povo de Monteiro? Uma bela reforma no estádio, mas para atletas de outras cidades jogarem? Agora pergunto a todos da situação e da oposição: é correto isto?

Vejo bitolados políticos que ainda saem em defesa, dizendo que os garotos da cidade não vão aos treinos, onde na verdade muitos acabaram sendo prejudicados na escola e no trabalho, por acreditarem no sonho de ficar neste grupo.

Perguntem a todos os filhos de Sertânia que estavam treinando, e aos que ainda estão, se os fatos diferem do que aqui foi dito.

Como entusiasta do futebol sertaniense deixo aqui a minha indignação”

Leitor atento

COMENTÁRIOS